ADM Fácil

Tipos de Transporte: Vantagens e Desvantagens

Modais de Transporte

Com o crescimento do setor industrial, varejista e do e-commerce no Brasil, as empresas precisaram avaliar os modais de transporte utilizados para escolher aquele que melhor atenda às demandas, reduza os custos e faça a distribuição de forma eficiente.


Os 5 diferentes tipos de transporte mais utilizados no Brasil são: Rodoviário, Ferroviário, Aéreo, Aquaviário e Dutoviário. Os tipos de transporte também são chamados de modais.

Para que a empresa escolha o melhor tipo de transporte para sua carga é importante conhecer as características de cada um e o tipo de carga que será transportada. Abaixo serão detalhadas as vantagens e desvantagens de cada um:

É o transporte mais utilizado no Brasil. Tem flexibilidade de trajeto, ou seja, o mesmo caminhão ou carreta que leva mercadoria para uma região pode sair deste local com mercadoria para outra distribuição. Consegue entregar os mais diversos tipos de mercadorias desde grãos até cargas perigosas, como combustível. Estas entregas são feitas através de estradas e rodovias que podem ser asfaltadas ou não. Atualmente este modal corresponde a mais de 65% da distribuição de produtos em todo o Brasil.

Caminhão de carga

A malha rodoviária brasileira tem estrutura melhor e distribuição mais abrangente que outras malhas.

Vantagens:

  • Facilidade em criar rotas flexíveis: mais controle da rota e facilidade para estruturar o itinerário, se comparado com outros modais;
  • Acessibilidade: facilidade para chegar aos locais mais afastados. O transporte em curtas distâncias pode ser feito de forma rápida, na maioria das vezes não há necessidade de utilizar mais de um modal;
  • Agilidade: rapidez no carregamento dos caminhões ou carretas e também na entrega das mercadorias;
  • Facilidade na contratação de serviço: geralmente a contratação do serviço é feita de forma rápida, pois há grande oferta e pouca burocracia para a emissão da documentação necessária para o transporte.

Desvantagens:

  • Frete com custo elevado: este modal se torna mais caro que os demais devido ao alto valor do combustível e pedágios;
  • Dependência em relação ao ritmo do trânsito: não é possível intervir no tempo de entrega quando há engarrafamentos ou protestos;
  • Risco de acidentes: como há grande quantidade de veículos nas rodovias qualquer imprudência pode causar acidente, o risco é maior que em outros modais;
  • Risco de furtos e roubos: também há mais riscos que em outros modais pela vulnerabilidade dos motoristas;
  • Carga com capacidade limitada: diferentemente de outros modais, possui tamanho reduzido podendo assim transportar quantidade pequena de produtos.

Este modal também é muito utilizado no Brasil, cerca de 20% dos transportes são feitos através de ferrovias. No país há pouco mais de 31.000 km de trilhos e pouco investimento do governo, por este motivo não é o modal mais utilizado. Geralmente transporta matéria-prima (grãos e cereais), cimento, minério de ferro, produtos siderúrgicos e fertilizantes.

Trem de carga

Vantagens:

  • Baixo custo: o combustível utilizado é o diesel, o mesmo usado pelos caminhões, porém o consumo do trem equivale a 30% do combustível utilizado pelos caminhões por quilômetro rodado;
  • Baixo índice de acidentes: cada trem tem sua rota, e se bem administrada, não há possibilidade de haver acidente entre trens;
  • Baixo risco de furtos e roubos: como não há trânsito, as paradas são feitas apenas em estações, dificultando furtos e roubos;
  • Grande capacidade de carga: este modal permite transportar variados produtos e em grande quantidade.

Desvantagens:

  • Dependência de outros modais: é necessário utilizar mais de um tipo de modal para que a carga chegue ao destino final. Os produtos são descarregados em uma estação e transportados através de outro modal, normalmente o modal rodoviário;
  • Rota fixa: as rotas não podem ser flexibilizadas. No Brasil os trilhos não são compatíveis, por este motivo o trânsito entre regiões é dificultado.

Excelente meio para transportar produtos frágeis, eletrônicos e com curto prazo de validade. Não é um modal muito utilizado no Brasil. A entrega é rápida e segura.

Avião de carga

Vantagens:

  • Percurso longo: percorre longas distâncias em um curto espaço de tempo;
  • Agilidade: é o modal com o menor tempo de entrega. Possui previsão de entrega assertiva devido ao trânsito ser livre e exclusivo.

Desvantagens:

  • Capacidade de carga: capacidade maior que do transporte rodoviário, porém menor que a do transporte ferroviário e aquaviário;
  • Dependência de outros modais: necessita utilizar mais de um meio de transporte. Ao descarregar a mercadoria em um aeroporto, a mesma é levada ao seu destino através do transporte rodoviário;
  • Custos: é um dos modais mais onerosos devido ao alto gasto operacional (compra de aviões) e custo elevado com combustível.

Refere-se à locomoção de carga através do mar (marítimo), lago (lacustre) ou rios (fluvial). É indicado para transportar produtos com baixo valor agregado. Pode transportar por longas distâncias, porém em um longo espaço de tempo.

Navio de carga

Vantagens:

  • Baixo custo: este modal possui custo reduzido de frete devido à grande quantidade de carga transportada e ao baixo custo com combustível;
  • Transporte de longas distâncias: permite o transporte de grande quantidade de carga para longas distâncias.

Desvantagens:

  • Burocracia: este modal é muito burocrático devido a quantidade de documentos necessários para realizar o transporte;
  • Dependência de outro modal: geralmente há a necessidade de utilizar outro modal para levar a mercadoria ao destino final;
  • Tempo: não é indicado caso a carga precise chegar ao destino final com urgência.

No Brasil este modal não é muito utilizado. O transporte é realizado através de dutos e tubos que podem ser sobre a terra, submarinos ou subterrâneos. Este modal geralmente é usado para transportar cargas perigosas, como combustível. Alguns aeroportos no Brasil recebem combustível para abastecer as aeronaves através deste meio de transporte.

Duto de transporte

Vantagens:

  • Custo operacional: o maior investimento é para a construção da estrutura, porém é utilizada pouca mão-de-obra, o consumo de energia é pequeno e os produtos podem ser enviados para longas distâncias;
  • Capacidade: a capacidade é maior que dos demais modais, portanto é possível enviar produtos para longas distâncias e em grandes quantidades.

Desvantagens:

  • Trajeto fixo: não possui flexibilidade de rotas e exige pontos de bombeamento;
  • Investimento inicial: o custo inicial é muito alto, porém compensa ser utilizado devido ao baixo custo operacional;
  • Acidentes: necessita de muito cuidado, pois pode causar acidentes ambientais graves e de longa escala.
Este artigo te ajudou? Esperamos que sim! Compartilhe isso para o mundo: Ficaremos extremamente agradecidos! 👍👍👍

Enviar comentário

Curta nossa página no Facebook